Servidor municipal é detido com 411 litros de gasolina

Caso foi registrado pela Polícia Militar de Tibagi e todo o combustível encontrado na casa do servidor foi apreendido

Um servidor da Prefeitura de Tibagi (região dos Campos Gerais) foi detido na tarde desta quinta-feira (20) ao ser flagrado armazenando irregularmente mais de 410 litros de gasolina em sua casa. O produto foi encontrado no centro da cidade por volta das 15h.

A Polícia Militar informou que foi acionada por um casal que precisava de ajuda para deter a enteada, que estava com transtornos psicológicos e precisava ser levada para casa. Os policiais ajudaram a controlar a situação e a adolescente decidiu voltar para a casa do pai. No entanto, a equipe que atendeu à solicitação recebeu a denúncia de que o pai da jovem estaria armazenando combustível de origem ilícita em casa.

Os policiais encontraram num corredor no imóvel várias garrafas e galões com gasolina. Ao ser questionado sobre a origem do combustível, o homem disse que estaria guardando o produto em casa há algum tempo, alegando que teria comprado aos poucos durante suas viagens para fora de Tibagi, tanto particulares quanto as que fazia pela Prefeitura Municipal de Tibagi.

Os 411,5 litros de gasolina foram apreendidos e encaminhados à delegacia da Polícia Civil de Tibagi juntamente com o responsável pelo produto. Agora, a polícia investiga a origem desse combustível e apura se de fato ele teve origem ilícita.

Foto: Divulgação/PM

(ARede)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.