Prefeitura destina recursos para escola de tratamento de pessoas com autismo

Nesta segunda-feira (03) os vereadores aprovaram por unanimidade o Projeto de Lei 59/2020 que prevê a destinação de verba para atendimentos na Clínica Escola do Tratamento do Espectro Autista Juditha Paludo Zanuzzo, por meio do desenvolvimento de atividades nas áreas médica, pedagógica, psicológica, fonoaudiologia, fisioterapêutica, terapia ocupacional, nutricional, assistencial e musicoterapia.

Serão abertos créditos adicionais especiais para a Secretaria Municipal de Saúde no valor de R$ 150 mil em 2020, R$ 226 mil em 2021 e R$ 265 mil em 2022. De acordo com a prefeitura, a medida é necessária para fazer frente às despesas para manutenção da Clínica Escola do Tratamento do Espectro Autista (Cetea), a cargo das secretarias municipais de Saúde e de Educação.

Assessoria de Imprensa/CMC

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.