Polícia Rodoviária registra 74 mortes nas estradas federais durante o feriado da Proclamação da República

Segundo o balanço divulgado pela PRF nesta segunda-feira (19), foram atendidas 243 ocorrências classificadas como graves, com ao menos um óbito ou ferido grave. Entre elas, houve 74 mortes e 1.093 pessoas gravemente feridas.

A redução de atendimentos em relação ao mesmo feriado em 2017 foi de 4%, enquanto o número de pessoas com ferimentos graves caiu 13%. Já o número de óbitos cresceu 1%. No ano passado, o feriado caiu em uma quarta-feira e as ações foram realizadas entre os dias 15 e 19 de novembro.

Outras ocorrências foram registradas pela Polícia Rodoviária Federal. 4.143 condutores receberam punições por ultrapassagens proibidas, 2.461 pelo não uso de cinto de segurança e 332 por não utilizarem equipamentos obrigatórios para transporte de crianças, como cadeirinhas infantis e assentos de elevação.

Foram feitos ainda 32.915 testes de bafômetro, com 750 motoristas reprovados por estarem embriagados.

(G1)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.