Paranhos anuncia Thiago Daross Stefanello no comando da Saúde Municipal

Em entrevista coletiva nesta tarde (21), o prefeito Leonaldo Paranhos anunciou o novo nome que comandará uma das mais importantes pastas do Município, a Saúde, que ao lado da Educação, está entre as principais prioridades do governo municipal e absorve a maior fatia do orçamento, com uma média de 32% da destinação da receita, com crescente demanda pelos serviços públicos. Com sólida e reconhecida trajetória no setor da saúde pública, perfil de gestor moderno, austero e pragmático, é o fisioterapeuta Thiago Daross Stefanello que assume a Secretaria Municipal de Saúde de Cascavel, em lugar do servidor de carreira Rubens Griep, cuja exoneração do cargo foi publicada nesta terça-feira no Diário Oficial.

“É um cargo extremamente importante, que requer muita dedicação e, como é impossível fazer saúde pública sem ter afinidade com este tema que exige tanto de nós, optamos por uma pessoa que também gosta e conhece da área”, explicou Paranhos, lembrando que esta não é a primeira vez que faz o convite a Stefanello, que se tornou nome requisitado em cidades importantes do Paraná. Em outras ocasiões, Stefanello foi cogitado para ocupar cargos na equipe do governo municipal. “Temos um planejamento para a Saúde, que foi traçado no início do mandato e que vai até dezembro de 2020 e o Thiago se encaixa perfeitamente nele”, acrescentou Paranhos.

Questionado sobre os motivos que o levaram a nomear um secretário de outro Município, o prefeito justificou que seguiu o critério da proximidade e conhecimento técnico com a Pasta e não o geográfico, uma vez que “queria alguém com total isenção na indicação, pois qualquer nome que se apresente hoje na saúde, já nasce com aprovação ou rejeição; e o Thiago não tem rejeição e nem aprovação: o que ele realizar é o que vai consolidar a atuação”.

Paranhos reafirmou, contudo, que não pretende abrir mão de continuar cobrando, e “cobrando em todas as pastas, como sou cobrado da população. Isso vai continuar”.

Avanços

Da saúde promocional à alta complexidade, o Município vem avançando e “estamos rigorosamente em dia com nosso plano de governo”, afirmou o prefeito, citando por exemplo as reformas das unidades de saúde que estão em andamento e o crescente aumento no atendimento no serviço, que absorveu pelo menos 16 mil novos usuários que migraram dos planos de saúde privados nos últimos anos “não apenas devido à crise, mas também devido à melhora nos nossos serviços”. O número de atendimentos nas UPAs saltou de uma média de 370 mil em 2016 para 770 mil em 2018, conforme o prefeito lembrou na coletiva.

PAI

Segundo o prefeito, pelo menos 90% do seu programa de governo já foi cumprido. Contudo, uma medida que ainda precisava avançar e que deve entrar em vigor por decreto nas próximas semanas é o PAI, que é a garantia do internamento com vaga zero a pacientes com risco de morte. “O Programa de Atendimento Imediato, que eu entendo que precisamos dar um tratamento diferenciado, estou insistindo há tempos e gostaria de colocar em prática ainda na semana que vem, pois a legislação permite. Enfrentei algumas barreiras jurídicas e agora encontramos o caminho para que o paciente com necessidade de leito possa ser internado mesmo que o hospital não tenha leito disponível pelo SUS ou contrato com o serviço público. O decreto vai garantir que o Estado pague por esta vaga”, adiantou Paranhos.

O novo secretário

Mais do que técnico do setor da saúde, Stefanello tem amplo lastro de mobilidade política em todo o Estado. A ascendência enquanto liderança regional o levou recentemente ao cargo de secretário chefe da Casa Civil do Paraná, principal Pasta do governo do Estado.

Antes disso, foi chefe de gabinete da Casa Casa Civil do Governo do Paraná, secretário de Saúde de Corbélia, diretor do Hemocentro Regional de Cascavel, superintendente do Hospital Bom Jesus de Toledo e, atualmente secretário de Governo e Gestão Pública em Toledo.

Convidado pelo prefeito Leonaldo Paranhos, Thiago Stefanello prontamente aceitou o convite, “porque acreditamos podemos contribuir com nossa experiência acumulada ao longo de dez anos em saúde com os avanços no setor na capital do Oeste do Paraná. É um grande desafio”, enfatizou.

Foi sob a gestão de Stefanello em 2017, que a Prefeitura Municipal de Toledo, por meio da Secretaria de Saúde, reduziu em apenas seis meses 31,92% da fila de espera por ortopedia e traumatologia. No mesmo curto período, a fila de espera por cirurgia geral caiu 93,81%.

Hoje (21) Stefanello passou a tarde reunido com Rubens Griep e a equipe de diretores da Saúde, conhecendo a realidade e se inteirando da Pasta. Ele disse à imprensa que pretende dar continuidade ao trabalho que a equipe já vem realizando, melhorando o atendimento que já vinha sendo prestado e ajustando com a equipe o trabalho para implementar alguns aspectos do plano de governo que ainda não foram colocados em prática.

(SECOM)

Avatar

Luiz Carlos da Cruz

Jornalista desde 1998 com reportagens publicadas em grandes jornais do Brasil, como a Folha de S. Paulo e Gazeta do Povo. Teve passagens pelos jornais Gazeta do Paraná, O Paraná e Hoje, onde foi editor-chefe, além do portal CGN e Rádio Independência. Fundador dos jornais Boas Notícias e Boa Noite!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.