Netos furtam carteira de avô e deixam prejuízo de R$ 7 mil

O GDE (Grupo de Diligências Especiais) da Polícia Civil prendeu uma moça de 20 anos e apreendeu o irmão dela, de 14.

Eles são suspeitos de furtarem a carteira do avô com documentos e R$ 200 e depois sacarem R$ 1 mil da conta poupança da vítima que tinha o hábito de deixar a senha na carteira.

A carteira foi furtada na residência do homem, de 67 anos, localizada no bairro Esmeralda, em Cascavel.

Os netos ainda utilizaram o cartão do avô para realizarem compras no valor de R$ 6,8 mil.

Netos confessaram o furto (Foto: Divulgação)

Um boletim de ocorrência foi registrado e a Polícia Civil passou a investigar o caso, foi até o local onde as compras foram efetuadas e o dinheiro sacado e descobriu que o cartão foi usado por Simone Maria da Silva, 20 anos, neta da vítima.

Inicialmente a moça negou o furto, mas diante das evidências apresentadas pela polícia acabou confirmando e contou que a ação foi premeditada junto com o irmão, um adolescente de 14 anos.

Eles contaram que dividiram o dinheiro em partes iguais e depois de realizarem as compraras jogaram a carteira do avô em um matagal no bairro onde moram.

Simone foi presa em flagrante e recolhida ao setor de carceragem onde ficará à disposição da Justiça.

Ela foi autuada por furto qualificado e abuso de confiança.

O menor, após ser ouvido, foi entregue aos responsáveis e será apresentado à Promotoria da Infância e Juventude.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.