Médicos da Seleção avaliam período de exames e testes físicos

Em coletiva de imprensa, realizada no centro de mídia da Granja Comary, os profissionais falaram sobre as avaliações feitas no grupo desde a apresentação. O trio também explicou as etapas do processo de recuperação de Neymar, Fagner e Douglas Costa. Esse último em tratamento de uma lesão na coxa.

“Temos tempo suficiente para recuperar esses atletas antes da Copa do Mundo” tranquilizou Rodrigo Lasmar logo em uma das primeiras perguntas feitas por jornalistas.

Neymar treinou ontem no campo dois da Granja ao lado de Danilo e Gabriel Jesus. Segundo o preparador físico Fábio Mahseredjian, o processo de evolução do atacante é promissor.

“Ele está muito bem amparado. Quando ele começar a trabalhar com todo o grupo, em campo, vai acelerar essa readaptação aos movimentos e ao ritmo de jogo. Nossa expectativa é que ele participe dos amistosos”, disse Fábio, que reforçou o fator da multidisciplinaridade nas decisões da comissão.

“Nenhuma decisão aqui é isolada. Passa por todos os envolvidos e a opinião do atleta também e levada em consideração”.

Os jogadores da Seleção Brasileira começaram a chegar à Granja Comary na última segunda (21). Desde então, os vinte atletas concentrados – Marcelo, Roberto Firmino e Casemiro só se juntam ao grupo na próxima semana – dividem o seu tempo entre a realização de exames médicos e testes físicos no Centro de Excelência do Futebol Brasileiro. Inaugurado há uma semana, o local dispõe da mais moderna tecnologia existente no planeta para o cuidado dos nossos craques.

“Futebol de hoje exige muita intensidade. Fizemos uma bateria de exames para saber o desgaste muscular e metabólico dos nossos jogadores. Estamos cuidando da alimentação, do sono, e da recuperação daqueles mais desgastados. A maioria dos atletas já é convocada há muito tempo e já fazemos o acompanhamento dos seus dados científicos. O que difere esse grupo é que estão sempre preocupados com essas informações, de como chegam e saem daqui. Todo trabalho físico é monitorado e eles gostam disso. É uma característica desse grupo” entregou o fisiologista Luiz Crescente.

A comissão técnica brasileira utilizará as informações do sistema de monitoramento de atletas que será oferecido pela FIFA na Copa do Mundo. Todos os estádios da competição estarão munidos com a tecnologia. Já nos treinamentos de preparação, a equipe continuará utilizando o habitual GPS. A novidade é que os profissionais conseguem acompanhar em tempo real as cargas e distâncias percorridas pelos atletas. Isso ajuda na prevenção de lesões e na condução das atividades.

“Já usamos o GPS há um bom tempo, os clubes também. Cada comissão utiliza de um jeito. Ele nos permite saber se o treino foi de alta ou baixa intensidade, e controlar os intervalos entre as ações. Com o ipad em mãos a gente consegue monitorar em tempo real. Daí a gente passa para o Tite, que adequa ao trabalho”.

A Seleção Brasileira segue na Granja Comary até o dia 26 de maio. No dia 27, a delegação embarca para Londres. Lá se juntarão ao grupo Marcelo, Roberto Firmino e Casemiro. O trio disputa a decisão da Liga dos Campeões da Europa no fim de semana. O Brasil fará dois amistosos antes de embarcar para Rússia para o início da Copa do Mundo. No dia 3 de junho enfrenta a Croácia, em Londres. E no dia 10 encara a Áustria, em Viena. No dia 17 de junho, a Seleção estreia na Mundial contra a Suíça.

Avatar

Luiz Carlos da Cruz

Jornalista desde 1998 com reportagens publicadas em grandes jornais do Brasil, como a Folha de S. Paulo e Gazeta do Povo. Teve passagens pelos jornais Gazeta do Paraná, O Paraná e Hoje, onde foi editor-chefe, além do portal CGN e Rádio Independência. Fundador dos jornais Boas Notícias e Boa Noite!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.