Indícios apontam para ato de vandalismo na Praça do Migrante

Equipes das secretarias da Meio Ambiente e de Obras Públicas concluíram hoje (30) o levantamento dos estragos provocados pelo incêndio registrado na tarde de ontem (29) no quadro de energia elétrica da Praça do Migrante.

Há fortes indícios de que o problema tenha sido provocado por ato de vandalismo – uma vez que o fogo começou no medidor e não no disjuntor – fator que deixou totalmente destruído o quadro, e o chafariz da praça inoperante desde então, com iluminação parcial do espaço público.

Para solucionar o problema será necessária a troca de todo o cabeamento e a instalação de um novo quadro de energia. A equipe de iluminação pública está orçando o custo do reparo, estimado em R$ 25 mil, e a Secretaria de Meio Ambiente definindo a modalidade de licitação que melhor atende à necessidade.

Avatar

Luiz Carlos da Cruz

Jornalista desde 1998 com reportagens publicadas em grandes jornais do Brasil, como a Folha de S. Paulo e Gazeta do Povo. Teve passagens pelos jornais Gazeta do Paraná, O Paraná e Hoje, onde foi editor-chefe, além do portal CGN e Rádio Independência. Fundador dos jornais Boas Notícias e Boa Noite!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.