Homem suspeito de matar e assar cão em forno é preso

O homem suspeito de matar e assar no forno um cachorro na região do bairro Alto Boqueirão, em Curitiba, foi preso na noite de quinta-feira (6). O rapaz de 19 anos confessou o crime.

Conforme a Polícia Civil o suspeito chegou a oferecer dinheiro para que fosse liberado, configurando também o crime de corrupção. Na delegacia, o rapaz ainda debochou perguntando se poderia comer os gansos que estavam no pátio da unidade.

Durante depoimento para a polícia, o suspeito confessou que matou e assou o cão que vivia no bairro. Morados do local tratavam do animal.

Além do cão o jovem teria assado também um periquito. O rapaz foi preso na casa dele.

A polícia chegou até a casa dele depois de receber uma denúncia de que um rapaz, no dia 29 de julho, matou um cachorro a chutes e estava oferecendo a carne do animal, como de fosse de porco, para os moradores do bairro.

Ainda segundo a polícia o jovem já foi preso antes por agressão, violação de domicílio e porte de simulacro de arma de fogo. Ele deve responder pelo crime de maus-tratos a animais.

O irmão do suspeito contou que o rapaz é viciado em drogas e tem pouco contato com a família. O cão vivia no bairro e era alimentado pelo moradores que ficaram horrorizados com a situação.

(TNOnline)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.