Homem atira em policiais que revidam e matam suspeito

Policiais civis de Cascavel, Toledo e Foz do Iguaçu que realizavam buscas para tentar prender Rafael dos Santos, conhecido como “Ponto Cinquenta”, suspeito de participar do atentado contra um agente penitenciário em Toledo no dia 13 de junho, foram recebidos a bala em uma casa onde ele estava escondido na manhã de hoje (22) em Foz do Iguaçu.

A polícia chegou até o esconderijo do suspeito após a divulgacão de imagens que estão com mandados de prisão decretados. Com informações recebidas, a equipe foi até um conjunto habitacional popular na Vila C para prender os suspeitos.

No local, um homem identificado como Eduargo Augusto Coimbra Leandro, conhecido como “Lombriga”, recebeu os policiais com disparos de arma de fogo. A equipe revidou e acertou o rapaz que possuía contra ele um mandado de prisão por roubo e seria integrante da facção criminosa PCC (Primeiro Comando da Capital).

Uma equipe do Siate (Serviço Integrado de Atendimento ao Trauma em Emergência) chegou a ser acionada, mas o rapaz não resistiu e morreu ao dar entrada em um hospital da cidade.

Na residência onde ele estava a polícia encontoru o celular de Rafael, mas ele havia deixado a cas havia aproximadamente meia hora, de acordo com relato de moradores.

Com o suspeito que atirou contra os policiais, foi encontrada uma pistola que pode ser a mesma utilizada no atentado contra o agente penitenciário em Toledo.

Informações sobre o paradeiro de Rafael podem ser repassadas anonimamente pelos telefones 197, 190 ou 181.

Avatar

Luiz Carlos da Cruz

Jornalista desde 1998 com reportagens publicadas em grandes jornais do Brasil, como a Folha de S. Paulo e Gazeta do Povo. Teve passagens pelos jornais Gazeta do Paraná, O Paraná e Hoje, onde foi editor-chefe, além do portal CGN e Rádio Independência. Fundador dos jornais Boas Notícias e Boa Noite!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.