Gafe ao vivo de jornalista na TV Globo continua rendendo piadas na internet

Repórter queria dizer que Bastos Moreno não chegou a ser internado. (Foto: lobo/Reprodução)

Um erro cometido por um repórter da Rede Globo, na o feriado de Corpus Christi, se tornou motivo de piadas nas redes sociais e continua sendo compartilhado nas redes sociais. Enquanto repercutia, ao vivo, a morte do colega de profissão Jorge Bastos Moreno, um jornalista do Jornal hoje se confundiu e afirmou que ele “morreu antes mesmo de ser enterrado”. A gafe não passou despercebida pelos internautas que logo divulgaram o vídeo da transmissão nas redes sociais. Em alguns vídeos, vem a inscrição em como perder o emprego na Globo em 15 segundos.

O repórter Paulo Mário Martins noticiava, do Rio de Janeiro, o falecimento do colunista do jornal O Globo, ocorrido na quarta-feira (14). Porém, durante a transmissão, ele se atrapalha e troca a palavra “internado” por “enterrado”. “O jornalista Jorge Bastos Moreno morreu por volta de 1h da manhã. Ele passou mal durante a noite e foi levado para um hospital em Botafogo, aqui na zona sul do Rio. Mas morreu antes mesmo de ser enterrado”, noticiou.

O assunto rapidamente passou a ser replicado nas redes sociais, com diversos internautas ironizando a situação – comuns em passagens ao vivo. “Gente, eu de verdade não tô sabendo lidar com o vídeo do jornalista falando ‘mas morreu antes mesmo de ser enterrado’ HAHAHAHHAHAHAHAHA”, disse uma usuária do Twitter. “‘mas morreu antes mesmo de ser enterrado…’ Sei que eu não deveria, mas estou rindo disso”, disse outro internauta.

Assista ao vídeo

Avatar

Luiz Carlos da Cruz

Jornalista desde 1998 com reportagens publicadas em grandes jornais do Brasil, como a Folha de S. Paulo e Gazeta do Povo. Teve passagens pelos jornais Gazeta do Paraná, O Paraná e Hoje, onde foi editor-chefe, além do portal CGN e Rádio Independência. Fundador dos jornais Boas Notícias e Boa Noite!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.