Cidade do Idoso é o novo espaço da terceira idade

Envelhecer com qualidade de vida é a proposta das ações desenvolvidas pela Secretaria Municipal de Assistência Social para os idosos que, agora, terão uma cidade só para eles. Na tarde desta sexta-feira (14), o prefeito Leonaldo Paranhos inaugurou a Linha da Felicidade e a Cidade do Idoso, duas ações que fortalecem ainda mais a política de valorização da chamada terceira idade.

A Linha da Felicidade terá inicialmente um ônibus que irá percorrer aproximadamente 35 quilômetros buscando os idosos para levá-los às atividades da Cidade do Idoso. “É mais um presente para os nossos queridos idosos e estamos com saudade dos eventos da confraternização”, disse o prefeito.

A Cidade do Idoso foi construída no Parque Tarquínio, na região do Parque
São Paulo. O local de muito verde já é frequentado pela população daquela região e, agora, foi transformado para receber atividades de interação entre os idosos. Brincadeiras, entretenimento, passeio, ginástica, dança e atendimento à saúde são algumas das atividades que serão disponibilizadas na Cidade do Idoso. “Nós queríamos, evidentemente, tornar esse espaço adequado para o uso dessas pessoas que são, para nós, o orgulho da cidade”, afirma Paranhos.

A secretária de Assistência Social, Rose Vascelai, diz que a Cidade do Idoso irá proporcionar uma velhice mais feliz para todos. Ela destaca que a ideia é fazer convênios com universidades e outras instituições para ofertar mais atividades ainda.

Jonival Gomes dos Santos gostou das novidades para os idosos e disse que é muito benéfico para todos. “Quando acabar a pandemia vamos nos encontrar todos, se divertir, conversar e fazer festa”, diz. Catarina Gaida, que também fez o passeio de ônibus, disse que ama as atividades e estava encantada com o passeio. “Gostei muito do passeio, a gente conheceu mais gente, encontrou amigos do grupo. Não tinha uma coisa melhor para acontecer do que esta, eu vou participar muito aqui”, afirmou.

Para Vanderlei Augusto da Silva, presidente do Conselho Municipal dos Direitos do Idoso, a Cidade do Idoso é a concretização de mais um sonho e que o local será o ponto de encontro. “O idoso é sempre feliz. Idoso, na verdade, não é uma pessoa velha, é uma pessoa que já contribuiu, já trabalhou e agora tem o direito de viver a vida de uma outra forma. Viver com lazer, com cultura e esporte e é o que nós temos aqui nesse parque lindo”, destacou.

(SECOM)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.