Cascavel é certificada como 1ª do Paraná e 2ª do Brasil em saúde bucal

“Quero compartilhar com todos os nossos profissionais da área de saúde bucal de Cascavel este reconhecimento. Estamos aqui meramente representando o grande trabalho da nossa equipe, que atua diretamente com a nossa população, que é a verdadeira beneficiada com as ações. É mais um incentivo para continuarmos trabalhando”. A fala é do prefeito Leonaldo Paranhos, que na noite de ontem (30) recebeu, em Brasília, a confirmação de que nossa cidade é referência em saúde bucal no Brasil.

Cascavel foi reconhecida no Prêmio Nacional CFO de Saúde Bucal dentre os municípios que valorizam o atendimento de saúde bucal no Brasil. A honraria foi concedida pelo Conselho Federal de Odontologia aos 15 selecionados, sendo três vencedores e outros 12 homenageados por terem se classificado entre segundo e o quinto lugar nas três categorias. Nossa cidade ficou em 1º lugar no Paraná e em segundo no Brasil na categoria até 300 mil habitantes.

“Entendemos as necessidade do Município e, com o apoio do governo municipal, intensificamos o trabalho de base, o que nos levou a alcançar o prêmio”, comemorou o gerente da Divisão de Saúde Bucal da Secretaria de Saúde, Shady Adnan Yassine, que participou da cerimônia junto com o prefeito.

Nosso Município realiza 6 mil atendimentos mensais em 36 unidades de saúde, totalmente equipadas, com atendimento humanizado e de qualidade. O prêmio foi balizado por critérios objetivos que permitem o comparativo com maior grau de precisão. Este ano os concorrentes enviaram a documentação referente ao exercício de 2017 e a segmentação foi baseada no último censo do IBGE em 2010.

“Este prêmio é a comprovação da qualidade no atendimento de saúde bucal nos municípios. Ele é dado após a classificação na etapa regional e baseado em critérios técnicos que são comprovados pelos municípios inscritos por meio de documentos. Os vencedores e os classificados são, comprovadamente, os que têm a consciência da importância e investem em saúde bucal para a população”, enfatizou o presidente do CFO, Juliano do Vale.

Sobre o Prêmio

Instituído em 2005 pelo Conselho Federal de Odontologia, o Prêmio Nacional CFO e Estadual é concedido às cidades brasileiras que se destacam no atendimento odontológico, obedecendo alguns critérios de avaliação e está dividido em três modalidades, de acordo com o número de habitantes. De 0 a 50 mil habitantes, de 50 e 300 mil habitantes e acima de 300 mil habitantes.

Os critérios avaliados envolveram Financiamento em Saúde, Controle Social, Política Municipal de Saúde Bucal, Assistência Odontológica Básica, Assistência Odontológica Especializada, Promoção de Saúde Bucal, Vigilância em Saúde Bucal, Desprecarização, Remuneração e Educação Permanente.

Municípios premiados

Até 50.000 habitantes

1º – Naviraí (MS)

2º – Ibiporã (PR)

3º – Porto Real (RJ)

4º – Alhandra (PB)

5º – Três Passos (RS)

 

Até 50.001 a 300.000 habitantes

1º – São Sebastião (SP)

2º – Cascavel (PR)

3º – Resende (RJ)

4º – Chapecó (SC)

5º – Sorriso (MT)

 

Até 300.001 habitantes

1º – Curitiba (PR)

2º – Diadema (SP)

3º – Florianópolis (SC)

4º – Manaus (AM)

5º – Pelotas (RS)

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.